Você é você.


. . . Entre Ilusão e Realidade. Aonde você está? Quem somos realmente afinal? Se vale a pena viver não sei. Mas será uma jornada épica!

Seguidores

24/01/2009

O Feitiço dos Sonhos : Prólogo

- Le Sickly Dreams;
http://scrapbooklsd.blogspot.com
http://lesicklydreams.blogspot.com



"O Feitiço dos Sonhos" - Por: Le Sickly Dreams "Os Sonhos Doentios". ( Riley como Lúmrill, o Contador de Estórias.)
- Introdução ao Capítulo Primeiro -


 A chama da vela que carregava iluminou meu recanto. ... Já tinha desistido que alguma alma pudesse aparecer por aqui. Mas apareceu.
 A luz era tímida, e não me atingia, mesmo que eu a visse, e foi divertido notar seu susto ao me ver.


 Aproxime-se. Permita-me apresentar pois quem você é, apenas você saberá. Assim como eu sei quem és.
 Sente-se. ... Lhe dou os parabéns por ter desistido de ficar sua vida inteira na frente de algum aparelho eletrônico, e venha buscar algo tão bucólico quanto ouvir estórias ao redor de uma fogueira. Quem sabe os lugares que nos levam.


 Se precisar de um nome, chame de Lúmrill. E se me questiona, vem da pureza da minha vontade, significa algo como borboleta. Mas está mais ligado á "transformação". Entenda como quiser.


 Eu levarei-te para um mundo diferente nas estórias, um lugar para aprender como entender a realidade, porque a dor lhe ensina que a realidade vive mais em um mundo surreal, em contraponto ao que a razão nos fala.
 A infância é cheia de vida, e comanda mais de nossas vidas hoje que nossos pequenos desejos. O único caminho para se tornar adulto é procurar pelos nossos tempos de criança onde nós queremos ser mais altos e fazer algumas coisas boas na vida, que como criança não podemos. Nós nos tornamos adultos para perceber que nossas vidas são cruéis, cheias de problemas e relacionamentos desagradáveis com as pessoas. Para o amor ou para o trabalho. ... Meu querido(a), ser adulto é a verdadeira ilusão. Você sempre foi uma estrela brilhante, brilhando o tempo todo. Mas, o que acontece que sua luz não pode me iluminar? Ah, até se tornar uma pessoa obscura como eu: é um preço á pagar, para aprender o quão profunda é a vida e todos seus mistérios. Eu lhe ensinarei alguns problemas da sua falsa realidade. Eu sou... apenas outro contador de estórias. Mas, eu sou diferente. Eu sou a beleza das palavras, imagens, e sons. O cheiro que você precisará por algum tempo. Eu espero que sua inteligência seja maior que a minha. ...


 Tudo porque nós não lemos todos os contos de fadas da vida.


...............
(new)00. - Canto do Chamado Zero Ponto Um -




" O Oceano da inconsciência é como um azul profundo... escuro... ao nada. É estar no infinito, se sentir caindo. Mas parado. ... É flutuar. Flutuar é estar além da vibração física, é materializar tudo apenas com teu próprio pensamento... "


Ah, minha doce boneca... acorde....
....
acorde.


Eu tenho o público para te apresentar... Princesa Isabelle.

Nenhum comentário: